O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   30 de Julho de 2015
Publicidade
Publicidade
Últimas Notícias
Publicidade
Willams Araújo
Tem mais

O caldo deve entornar depois que uma das menores envolvidas no caso de exploração sexual abriu o jogo diante do juiz e contou tudo o que sabia ao magistrado. Ao que parece, tem mais políticos envolvidos nessa rede de pedofilia que já levou até vereador a renunciar o mandato. Tudo será devidamente esclarecido após o principal acusado pelo esquema ser ouvido em ‘delação premiada’ proposta por seu advogado. Até lá, dizem, muita gente vai sobreviver à base de ansiolíticos para aguentar a pressão. Isso se conseguir. 

Ramificações

A ‘Operação Lama Asfáltica’ começa a abrir seu leque de investigações e seu fim ninguém sabe onde é e qual será.  A cada dia, fatos novos brotam dos mais variados lugares. Dessa vez, da avenida que homenageia o ex-prefeito e ex-senador Lúdio Coelho. Onde ele estiver, por certo, deve estar ‘desconjurando’ aqueles que, para lhe homenagearem, meteram os pés pelas mãos, as mãos em cumbuca e no suado dinheiro do povo. Isso só vai mudar se a Justiça apertar o cerco em torno dos responsáveis e tomar de volta o que eles roubaram. 

Tem mais

O caldo deve entornar depois que uma das menores envolvidas no caso de exploração sexual abriu o jogo diante do juiz e contou tudo o que sabia ao magistrado. Ao que parece, tem mais políticos envolvidos nessa rede de pedofilia que já levou até vereador a renunciar o mandato. Tudo será devidamente esclarecido após o principal acusado pelo esquema ser ouvido em ‘delação premiada’ proposta por seu advogado. Até lá, dizem, muita gente vai sobreviver à base de ansiolíticos para aguentar a pressão. Isso se conseguir.

Torcida

Ninguém em terra sul-mato-grossense tem dúvida sobre o caminho que vão seguir políticos e empresários flagrados nos grampos da ‘Operação Lama Asfáltica’. Eles devem ter o mesmo destino dos investigados por operação semelhante - a ‘Lava Jato’ - que já pôs na cadeia figurões muito mais importantes e poderosos do que os daqui. Tem gente que quer ver, mesmo que por um dia, figuras com os braços cruzados e debaixo de agasalhos para esconder as algemas. Só o tempo vai dizer se tudo isso é um sonho ou um pesadelo. 

Estranho

O deputado federal Zeca do PT acha o que considera estranho a lentidão do Ministério Público Estadual em relação às acusações da Operação Lama Asfáltica em MS. Segundo o petista, ao longo dos últimos anos, o órgão nada fez para apurar as inúmeras denúncias que ele encaminhou contra seu adversário, “retardando e burocratizando as ações, afinal, prevaricando nas suas atribuições em fiscalizar o governo do André Puccinelli (PMDB)”.

Representação

Além de demonstrar indignação em relação ao assunto, Zeca prometeu protocolar uma representação contra o MPE no CNMP  (Conselho Nacional do Ministério Público), em Brasília. Me causa estranheza, por que quando as acusações anônimas feitas em papel higiênico contra minha pessoa e meu governo, o MPE era rápido, eficiente e dinâmico”, disparou por meio de sua página no Facebook. 

Curta no Facebook
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS