O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   17 de Agosto de 2017
Publicidade
Últimas Notícias
Publicidade
Willams Araújo
Unha e carne

O entrosamento político entre o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), preocupa e preocupa muito os rivais, principalmente num ano pré-eleitoral. Quem não deve estar gostando nada da parceria governamental é o ex-governador André Puccinelli (PMDB), que alardeia o desejo de disputar o governo em 2018. Só que não vai por uma série de fatores. 

Afinados
Afinados

Com discursos afinados durante a cerimônia de entrega da rotatória da Avenida Mato Grosso com a Via Parque, incluindo “rasgação” de seda recíproca, Reinaldo e Marquinhos demonstraram uma relação institucional que há muito tempo não se via na Capital. Embora isso não signifique aliança antecipada com vistas à disputa eleitoral rumo ao Parque dos Poderes em 2018.

Cruel

Com dívidas de monta e fragilizado por conta de denúncias, o PT faz das tripas, coração na tentativa de emplacar candidatura própria ao governo de Mato Grosso do Sul, isso porque não dispõe hoje de um nome de peso para o difícil confronto das urnas no próximo ano. Principal estrela do partido, o deputado federal Zeca do PT já avisou que sonha acordado com o Senado.

Lobby do batom

Subsecretária de Políticas para a Mulher de Campo Grande, Carla Stephanini, aterrissou no plenário da Assembleia, na quarta, para pedir apoio dos deputados em favor da mobilização e pressão popular para que os congressistas aprovem a PEC 134, que garante cotas de pelo menos 10% para a ala feminina dos partidos na próxima eleição. Ocorre que em um ranking sobre a representação feminina nos parlamentos de 193 países, o Brasil ocupa a 154ª posição.

Apoio

Atualmente, a lei 9.504/1997, que rege as eleições, estabelece que cada partido ou coligação deve reservar pelo menos 30% de suas vagas para candidatura de mulheres. A deputada Mara Caseiro (PSDB) agradeceu a visita de Carla Stephanini e demonstrou apoio à causa. “O ideal é que nas câmaras de vereadores deveria ter paridade de 50% entre os eleitos”, sugeriu a tucana, que tem defendido ampliação das vagas há anos. 

Curta no Facebook
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS