O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   21 de Setembro de 2019
Publicidade

Dólar opera em queda, com ação do BC e de olho na cena política

Na sexta-feira, moeda dos EUA bateu R$ 4,11 e fechou no maior valor desde setembro

20/05/2019 - 08h42

G1

Dólar opera em queda, com ação do BC e de olho na cena política (Foto: Gary Cameron/Reuters)

O dólar abriu em queda nesta segunda-feira (20), após ter encerrado a semana passado na maior cotação desde setembro, de olho no cenário político local e com a atuação do Banco Central no mercado de câmbio.


Às 9h19, a moeda dos Estados Unidos caía 0,23%, a R$ 4,0897. 


No último pregão, o dólar chegou a bater R$ 4,11 e fechou a sessão em alta de 1,58%, a R$ 4,0991, no maior valor desde setembro de 2018. No ano, passou a acumular alta de 5,81%.


Atuação do Banco Central


Após o fechamento dos mercados na sexta-feira, o Banco Central anunciou que irá realizar leilões de linha (venda de dólares com compromisso de recompra) no valor de até US$ 3,75 bilhões, em operação que pode evitar o enxugamento de liquidez do sistema e, assim, abrandar a valorização do dólar.


As operações de rolagem serão feitas em 3 dias: desta segunda até quarta-feira, no valor máximo de US$ 1,25 bilhão em cada um dos dias. Os leilões de linha tendem a reduzir a pressão pela alta da moeda. Isso porque, com mais dólares no mercado, seu preço tende a ficar menor.


O BC também realiza nesta sessão leilão de até 5,05 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de julho, no total de US$ 10,089 bilhões.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Economia
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
30.77%
Não
63.46%
Não sei
5.77%
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS