O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   01 de Dezembro de 2020
Publicidade

Fiscais Tributários recuperam quase R$ 150 mil para os cofres públicos

Fiscalização flagra caminhão que trazia mercadoria sem documentação fiscal em Nova Andradina (MS)

19/11/2020 - 07h15

Campo Grande

Vista da Sefaz em Campo Grande (Foto: Divulgação)

A Fiscalização Móvel da Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda de Mato Grosso do Sul) recuperou para os cofres públicos do Estado R$ 140.141,40 entre ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias de Bens e Serviço) e multa de um caminhão que transportava irregularmente mercadorias no valor de R$ 437.941,92. 


O flagrante aconteceu na última terça-feira, dia 17, quando os Fiscais Tributários da regional de Dourados suspeitaram do veículo que transitava na região de Nova Andradina sem carga aparente e ao efetuarem a abordagem e a verificação constataram o transporte de grande volume de componentes para fabricação de baterias sem nenhuma documentação fiscal, resultando na exigência do recolhimento de ICMS e multa.


As unidades de fiscalização móvel da Sefaz utilizam sistema de informação e comunicação integrada com central de monitoramento, o que permite obtenção de informações em tempo real do histórico dos veículos e dos documentos que acobertam a circulação das mercadorias. 


A agilidade garante aos fiscais estaduais mais rapidez para coibir a prática de evasão fiscal e amplia o trabalho de fiscalização. Essas ações de inteligência e fiscalização fazem parte das rotinas dos Fiscais Tributários Estaduais. 


“Os Fiscais Tributários são profissionais altamente capacitados o que possibilita a realização desses flagrantes. Isso é uma pequena parte da nossa rotina que demonstra a importância e essencialidade do trabalho dos fiscais tributários. Se não houvesse essa abordagem, o erário público e consequentemente a população que recebe serviços públicos teriam perdas consideráveis”, comentou o presidente do Sindifiscal-MS (Sindicato dos Fiscais Tributários Estaduais de Mato Grosso do Sul), Francisco Carlos de Assis, o Chiquinho.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Economia
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS