O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   17 de Dezembro de 2018

Botafogo tenta Jean e Moisés para 2019 e abrirá negociação com o Corinthians

Com exceção de Yago, também cedido pelo Timão, Alvinegro deseja renovar empréstimos de volante e lateral-esquerdo. 

06/12/2018 - 11h08

Globo Esporte

A maioria dos jogadores emprestados puxa a barca do Botafogo no fim de 2018. Mas dois deles estão nos planos de Zé Ricardo para a próxima temporada: Moisés e Jean. Tanto o lateral-esquerdo quanto o volante foram muito utilizados ao longo do ano, e a diretoria decidiu buscar uma renovação do vínculo junto ao Corinthians, onde os dois têm contrato até o fim de 2019 e 2020, respectivamente. No entanto, as conversas ainda não começaram.


Jean já tinha trabalhado com Zé Ricardo no Vasco e fez 17 jogos pelo Botafogo, a maioria como titular, com um gol e três assistências. Mas uma lesão na coxa esquerda o tirou da reta final do Brasileiro. 


O Alvinegro tem em contrato a opção de compra do volante de 24 anos, mas devido à dificuldade financeira não deve exercê-la. Porém, como o Corinthians contratou Richard, do Fluminense, para a posição, a tendência é que não se oponha a tentar uma nova negociação.

Botafogo deseja permanência de Jean (Foto: Divulgação)

Por sua vez, a negociação envolvendo Moisés tende a ser mais complicada pelo tempo de contrato do lateral-esquerdo. Um novo empréstimo sem renovação faria o Corinthians perder o jogador de graça para o mercado no fim de 2019. O ala de 23 anos fez 40 jogos pelo Botafogo, deu duas assistências e agradou, apesar de ter perdido o pênalti da eliminação da Copa Sul-Americana e de ter virado alvo da torcida. No entanto, a avaliação da comissão técnica é positiva.

Moisés viveu altos e baixos no Botafogo, mas disputou 40 partidas em 2018 (Foto: Divulgação)

O fato de o Corinthians estar sem treinador também atrapalha os planos do Botafogo. Após demitir Jair Ventura, o Timão espera por Fábio Carille, que ainda fará uma avaliação do elenco.


Do trio cedido pelo Corinthians, a exceção é Yago. Contratado para ser o substituto de Igor Rabello, que seria vendido no meio do ano, o zagueiro pouco teve oportunidades de entrar em campo, já que o titular continuou no clube e só desfalcou o time em uma partida em toda a temporada. 


O defensor, de 26 anos, atuou apenas cinco vezes e, mesmo podendo ser escalado dos dois lados da zaga, foi preterido por Marcelo Benevenuto nas ausências de Carli.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
30.77%
Não
63.46%
Não sei
5.77%
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS