O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   19 de Setembro de 2020
Publicidade

Palmeiras já treina hoje na Bolívia para retorno da Libertadores

Verdão terá volta Luiz Adriano na Bolívia; Felipe Melo será desfalque na quarta-feira

14/09/2020 - 10h07

Globo Esporte

Fagner é expulso por colocar a mão na bola dentro da área (Foto: Marcos Ribolli)

O elenco do Palmeiras terá uma rotina de viagens e jogos fora de casa nas próximas duas semanas: o time de Vanderlei Luxemburgo passará por La Paz, na Bolívia, Porto Alegre, e Assunção, no Paraguai, antes do próximo jogo como mandante no Allianz Parque.


A sequência alviverde será marcada pela volta da Libertadores e também por uma rivalidade local.

No último domingo, o Verdão deixou a cidade de São Paulo após a partida contra o Sport direto para a capital da Bolívia. Para uma melhor adaptação à altitude de La Paz (cerca de 3.640 metros acima do nível do mar), a comissão técnica optou por fazer toda a preparação da equipe no local do jogo válido pela Libertadores.


– Altitude é uma surpresa para muitas pessoas que não foram, dá dor de barriga, dor de cabeça, náusea. Dá um pique e parece que vai morrer. Passa 20 segundos e volta ao normal. É uma adaptação às surpresas que temos na altitude. Você inibe as surpresas de sentir coisas diferentes. Isso tudo vai eliminando se chegar antes. Tenho experiência de cinco dias conseguir eliminar tudo e ficar só com a velocidade da bola. Em dois dias eliminamos algumas coisas, mas não tudo o que surge no organismo do ser humano. Você quebra essa surpresa – disse Vanderlei Luxemburgo.


A equipe alviverde treina nesta segunda-feira e na terça-feira na cidade no Strongest, e na quarta-feira enfrenta o Bolívar, às 21h30 (horário de Brasília), pela terceira rodada do Grupo B da competição sul-americana.


Luiz Adriano, desfalque contra o Sport, viajou com o elenco e tem chance de voltar ao time. Por outro lado, Felipe Melo permaneceu em São Paulo para fortalecer a recuperação - ele não entra em campo desde o dia 8 de agosto, mas, recuperado de lesão muscular, ficou no banco no domingo.


– Ele (Felipe Melo) ficou dois meses afastado, saiu da transição agora e está indo para os treinamentos para os jogos. Eu trouxe ele (contra o Sport) para começar a viver ambiente de jogo de novo, porque tem a presença dele, ele está no vestiário, no banco, participando, se envolvendo com a partida, então era importantíssimo, mas não vai para a Bolívia, porque vamos treiná-lo durante a semana para a sequência – afirmou Luxemburgo.


Da Bolívia, o Verdão retorna para São Paulo na quinta-feira para se preparar para o duelo contra o Grêmio, em Porto Alegre, no domingo, pelo Brasileirão. A rivalidade com a equipe gaúcha voltou a ficar em evidência por causa de encontros recentes em Copa do Brasil e Libertadores.


No Brasileirão, os palmeirenses estão na sexta posição com 17 pontos, três atrás do líder Inter e com cinco de vantagem para o Grêmio. Depois do jogo no Sul, a delegação segue para Assunção, no Paraguai, onde enfrenta o Guaraní, na quarta-feira da próxima semana (dia 23).


O próximo jogo do Verdão como mandante será somente no dia 27, quando a equipe de Vanderlei Luxemburgo recebe o Flamengo no Allianz Parque, em jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Na Libertadores, os palmeirenses lideram o Grupo B com 100% de aproveitamento: seis pontos após duas vitórias em duas partidas. A chave é completada por Guaraní (três pontos), Bolívar (três pontos) e Tigre (zero pontos).

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS