O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   30 de Março de 2020
Publicidade

São Paulo vence a LDU em grande estilo jogando em casa pela Libertadores

Com o estádio lotado, o time de Fernando Diniz viveu uma típica noite de Libertadores na história do clube

11/03/2020 - 23h07

São Paulo

Igor Gomes comemora gol do São Paulo contra a LDU (Foto: Marcos Ribolli)

O São Paulo venceu a LDU em grande estilo na noite desta quarta-feira, no Morumbi, pela segunda rodada do Grupo D da Libertadores. O Tricolor se impôs diante do rival equatoriano e foi letal quando teve as chances, fazendo 3 a 0, com gols de Reinaldo, de pênalti, Daniel Alves e Igor Gomes. Com o estádio lotado, o time de Fernando Diniz viveu uma típica noite de Libertadores na história do clube. Resultado importante para acabar com a desconfiança gerada pela derrota de virada para o Binacional, do Peru, na estreia.


A vitória colocou o São Paulo na segunda colocação do Grupo D, com três pontos, atrás do River Plate, que goleou o Binacional por 8 a 0 e tem melhor saldo (5 a 1). O time peruano e a LDU também têm três pontos, mas estão em quarto e terceiro, respectivamente, justamente pelo saldo de gols inferior (-7 e 1).


Primeiro tempo


Os 15 primeiros minutos do São Paulo foram avassaladores. Com marcação alta e bom toque de bola, o Tricolor abriu logo 2 a 0. Primeiro em pênalti cobrado por Reinaldo (no lance da marcação, o árbitro deu mão de Guerra) e depois em linda jogada que começou com roubada de bola de Daniel Alves e gol do próprio camisa 10. Só que depois da boa vantagem construída, o time do Morumbi recuou e deu espaço para a LDU pressionar. Mas sem nenhum susto muito grande. Somente aos 37 é que o São Paulo voltou a assustar, em cobrança de falta de Daniel Alves que Gabbarini defendeu.


Segundo tempo


Na etapa final, o São Paulo teve logo uma baixa. Em disputa na grande área com Guerra, Volpi machucou a mão direita e precisou dar lugar a Lucas Perri. Com a bola rolando, o Tricolor voltou a envolver a LDU e ampliou aos 15 minutos. Igor Gomes começou a jogada, tocou para Pato, que acionou Vitor Bueno, autor da assistência para Igor Gomes fazer o terceiro. Nervoso em campo, o time equatoriano se complicou aos 21 minutos, quando Sornoza deu soco em Daniel Alves e foi expulso. Apesar do bom volume de jogo até o fim, o placar não foi alterado. Nos acréscimos, Pato ainda acertou uma bomba no travessão.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Coluna do Roberto
Raquel Anderson
Enquete
Você acha que a operação Lama Asfáltica vai acabar com algum político ou autoridade na cadeia?
Sim
Não
Não sei
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS