O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   11 de Abril de 2021
Publicidade

Assistência Social vai gastar R$ 1,5 mi com entidades da linha de frente da Covid

Ideia é incentivar e reconhecer ações emergenciais de combate aos efeitos da pandemia

08/04/2021 - 08h51

Campo Grande

Vista do prédio da Sedhast em Campo Grande (Foto: Divulgação)

Incentivar e reconhecer ações emergenciais de combate aos efeitos da pandemia realizadas por Organizações da Sociedade Civil (OSC’s) é um dos focos do edital de chamamento público lançado pela Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), nesta quinta-feira (8), no Diário Oficial do Estado). 


No total são cinco eixos de ações que serão contemplados com os recursos anunciados hoje, no montante de R$ 1,5 milhão.


“Neste momento tão delicado, pelo qual todos nós passamos, esse apoio para essas entidades que trabalham diretamente com pessoas mais vulneráveis e praticamente estão na linha de frente da pandemia, é mais do que necessário. O Governo do Estado, também via Sedhast, sempre apoia as OSC’s de nosso Estado e não poderia ser diferente agora”, pontua a titular da Sedhast, Elisa Cleia Nobre.


Dentre os eixos descritos no edital estão, por exemplo, trabalho de OSC’s com migração (ações temporárias ou permanentes), população em situação de rua e segurança alimentar. 


Com a seleção das OSC’s que trabalham e desenvolvem ações com esse público, o edital traz que o objetivo é promover a melhoria na qualidade de vida da pessoa humana, incentivando o desenvolvimento de ações voltadas ao público vulnerabilizado em tempos de pandemia, e também desenvolvendo práticas inovadoras de combate a fome a e miserabilidade.


A publicação afirma ainda que cada OSC poderá inscrever apenas uma proposta no edital de chamamento público, de acordo com o eixo compatível com sua área de atuação, prevista em seu Estatuto.


No edital também foi publicado um cronograma de ações. Pelo previsto, as OSC’s já podem enviar a proposta para o chamamento público a partir desta sexta-feira (9), para o endereço descrito na publicação.


Os recursos aplicados neste edital de chamamento são provenientes do FIS (Fundo de Investimento Social).


Informações e eventuais dúvidas podem ser sanadas pelas OSC’s pelo telefone (67) 3318-4178 ou 4199 na Sedhast, por meio da Caosc (Coordenadoria de Apoio as Organizações da Sociedade Civil).

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Geral
Colunistas
Ampla Visão
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS