O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   23 de Fevereiro de 2024
Publicidade

Ganha força o nome de Lewandowski para substituir Dino no Ministério da Justiça

Oficialmente, nenhum nome será anunciado antes que Dino seja sabatinado no Senado 

08/12/2023 - 08h31

Brasília 

Ricardo Lewandowski e Lula (Foto: TSE)

Nas últimas 48 horas, Ricardo Lewandowski tornou-se o favorito dos favoritos para a sucessão de Flávio Dino no Ministério da Justiça. 


Ainda que aqui e ali surjam outros nomes nas conversas entre ministros e assessores próximos de Lula, como o de Simone Tebet e de Marco Aurélio de Carvalho, é quase um consenso que o ministro aposentado do STF (e indicado à Corte também por Lula em 2006) teria o perfil ideal para o cargo.


É consenso também que Lula não dividirá o ministério da Justiça para recriar o Ministério da Segurança Pública, se o escolhido for mesmo Lewandowski.


Um assessor do presidente inclusive avalia que o convite a Lewandowski  poderia ser feito até segunda-feira, antes portanto, da sabatina de Dino no Senado, marcada para quarta-feira.De qualquer forma, oficialmente nenhum nome será anunciado antes que Dino seja sabatinado. 


Nos últimos dias, Lewandowski tem seguido o protocolo. Repete que não foi nem convidado (o que de fato não foi) e nem sondado (o que não é fato). Com quem conversou sobre o tema, a possibilidade de aceitar foi rechaçada. Lewandowski  deu três razões:


# Avalia como ruim a situação da Segurança Pública.

# Os mais importantes cargos das cortes superiores (nos quais o ministro da Justiça tem influência na indicação) já foram escolhidos: três vagas para o STJ e duas para o STF).

# Está satisfeito trabalhando na iniciativa privada.


Mas essas objeções, repita-se, foram feitas sem qualquer convite oficial de Lula na mesa. (Com Blog do Lauro Jardim)

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Política
Colunistas
Ampla Visão
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS