O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   01 de Julho de 2022
Publicidade

Com gols nos acréscimos, Palmeiras derrota o São Paulo de virada

Verdão marcou duas vezes no apagar das luzes para manter saga sem derrotas

21/06/2022 - 06h18

Lance

Jogadores do Palmeiras comemoram gol (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Clássico é clássico e vice-versa. A máxima popular é sempre repetida à exaustão pelos torcedores e, sempre que possível, se cumpre. Como na noite desta segunda-feira (20), onde um São Paulo repleto de desfalques e criticado pela torcida ia conseguindo se impor no Morumbi ante o favorito Palmeiras. Mas o Verdão mostrou não estar invicto há 19 jogos à toa e arrancou a vitória, de virada, por 2 a 1 nos instantes finais do jogo, válido pelo Campeonato Brasileiro, com gols dos zagueiros Gustavo Gómez e Murilo em cobranças de escanteio de Gustavo Scarpa.


O resultado trágico encerra a sequência de 15 partidas sem derrota do Tricolor no Morumbi. O último revés em casa havia sido em março, para o mesmo Palmeiras.


A vitória deixa o Palmeiras isolado na liderança do Brasileirão, com 28 pontos. O São Paulo é só o décimo, com 18 pontos.


INÍCIO FULMINANTE DO TRICOLOR


Para quem esperava um amplo domínio palmeirense, Rogério Ceni mostrou que o trabalho de preparação o clássico pelo lado Tricolor foi intenso.


Marcando em cima a saída de bola do rival, impedindo a articulação de suas jogadas, o São Paulo não só conseguiu dominar as ações na intermediária alviverde, como apareceu com mais perigo ao ataque no início do jogo.


Primeiro, aos 12, foi a vez de Rodrigo Nestor receber passe de Reinaldo e exibir boa defesa de Weverton no chute. Depois, foi Patrick quem avançou pela esquerda e cruzou na medida para Igor Gomes cabecear por cima da meta palmeirense.


EIS O GOL DO SÃO PAULO


Com tanta presença de jogo e empurrado pela torcida, não demorou para o Tricolor abrir o placar.

Aos 16, após cobrança de escanteio no primeiro pau de Nestor, Gabriel Menino desviou a bola em cima de Patrick. O Pantera Negra não vacilou e completou às redes de peito (!!!) para abrir o placar.


O lance até chegou a ser analisado pelo VAR por um suposto toque de mão de Patrick reclamado pelos palmeirenses. Mas Daronco validou o lance. Terceiro gol do camisa 88 em 22 jogos pelo clube.


RESPOSTA DO VERDÃO VEM, MAS SEM INTENSIDADE


Até o mais fanático são-paulino sabe das qualidades do Palmeiras e do poder de seu elenco. Por isso, após a abertura do placar era esperada a pressão alviverde. Que demorou a aparecer.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online
Rua São Remo, 390
Jardim Vilas Boas, Campo Grande / MS