O 1º site político de Mato Grosso do Sul   |   13 de Abril de 2024
Publicidade

Dirigente espanhol é preso e liberado ao depor em investigação por corrupção

Rubiales está sendo investigado por corrupção em uma operação desencadeada na Federação Espanhola de Futebol

03/04/2024 - 13h37

Madri (Espanha)

Com ge

Luis Rubiales (Foto: Getty Images)

Luis Rubiales, ex-presidente da REEF (Real Federação Espanhola de Futebol), foi detido na manhã desta quarta-feira. Ele chegava a Madri em um voo procedente da República Dominicana, quando membros da Guarda Civil o levaram para um tribunal, onde prestou depoimento e foi liberado.


Rubiales está sendo investigado por corrupção em uma operação desencadeada na Federação Espanhola de Futebol. Ele pode responder pelos crimes de lavagem de dinheiro, corrupção, administração injusta e formação de organização criminosa.


Rubiales foi levado por um furgão da Guarda Civil ainda na pista de aterrissagem do aeroporto de Barajas em Madri. Ele vai prestar depoimento no tribunal de Majadahonda. Autoridades de Justiça do país investigam a gestão do ex-dirigente desde junho de 2022. Ele nega as acusações e garante cooperar com as apurações


Rubiales ainda responde pelo beijo forçado que deu na jogadora Jenni Hermoso. Neste âmbito, o Ministério Público da Espanha pediu prisão de dois anos e meio ao dirigente. Além de Rubiales, outros suspeitos de envolvimento nos casos de corrupção foram demitidos da RFEF, entre eles o diretor de Serviços Legais, Pedro González Segura, e o diretor de Recursos Humanos, José Javier Jiménez.

Leia Também
Comente esta notícia
0 comentários
Mais em Esporte
Colunistas
Ampla Visão
Copyright © 2004 - 2015
Todos os direitos reservados
Conjuntura Online